Blog Academia Concerto

Olá tudo bem?

 

Vamos iniciar mais uma série de artigos para compartilhar com você um pouco da experiência de 14 anos da Academia Concerto em Música Coral, que nos levaram a resultados reconhecidos no Brasil e no exterior.

Outro dia parei para pensar que, nestes mais de 30 anos trabalhando com música vocal, de todo o tempo que passei como aluno em salas de aula, workshops, palestras e ensaios, o total de tempo que se usou para tratar do assunto TEXTO não deve ter ultrapassado 10%!

Mais um ponto que me chamou atenção, foi olhar programas de concertos de Música Coral e perceber que muitas vezes o crédito dado no programa do repertório é apenas ao COMPOSITOR. O LETRISTA (autor) raramente é citado!

Quando se trata então de MPB, a coisa é ainda mais grave! Perdi a conta de quantas vezes li o crédito de LETRA e música: “fulano de tal”. Apenas pelo fato de o compositor ser o intérprete e muito conhecido. Não houve o cuidado de pesquisar e saber que o letrista era outra pessoa.

Isso mostra o quanto o TEXTO, sua fonte, significado e domínio estão renegados a planos inferiores de atenção no trabalho de Música Coral.

Ensaio de Coral Academia Concerto

Como eu citei em meus artigos sobre repertório ( leia AQUI e AQUI), nós regentes temos a inclinação para focar a atenção mais nas “notas”, ou seja, na parte musical do material que trabalhamos. Isso pode levar a uma série de erros e problemas que afetam direta e fortemente o som do coro.

Este é o primeiro de uma série de artigos que vou publicar sobre o tema TEXTO, e nele quero chamar a sua atenção para a importância este assunto.

Para começar, o óbvio – e é sempre nas coisas óbvias que a gente tropeça: o TEXTO é o que carrega a mensagem que cantamos. Portanto se há algum problema com a clareza do TEXTO, por mais que a música esteja perfeita, a mensagem não é entregue corretamente e nosso trabalho será prejudicado.

Imagine entregar um presente para uma pessoa querida e se preocupar tanto com o pacote e esquecer de verificar se o presente, de fato, está em boas condições e acabar por oferecer um presente estragado!

A música que preparamos com tanto empenho é o veículo que conduz o conteúdo da mensagem. Descuidar do TEXTO e focar apenas na música é entregar para nosso público um presente com um bonito e bem cuidado pacote mas com o conteúdo ruim.

Qual o valor de um presente destes?

1_TjSpLw6nSrXm193zf5elsA

Quando eu falo sobre TEXTO, me refiro tanto as letras em língua estrangeira quanto em português! Outro erro recorrente é trabalhar com mais atenção repertório em outro idioma do que em língua portuguesa.

Isto é um “reflexo” natural quando saímos da zona de conforto da nossa língua materna. Esse tipo de acomodação faz com que, num programa de concerto, as peças em língua estrangeira soem melhor do que as em português! O que é um absurdo, mas tenho assistido com tristeza cada vez mais esta situação.

Trabalhar o TEXTO com o coro não é apenas informar a tradução, ou corrigir a pronúncia das palavras. O pleno domínio do conteúdo vem desde saber com precisão a origem do texto, o contexto, o entendimento amplo do significado, a prosódia e dicção corretas, dominar a fluência e outros aspectos do TEXTO que vão possibilitar ao ouvinte desfrutar da mensagem em sua totalidade.

O estudo correto do TEXTO não beneficia apenas o público. Antes de mais nada será a linha mestra do seu trabalho como regente nesta peça, bem como a sua interpretação, a concepção musical, até o modo de reger e qual gesto utilizar.

Quando o regente domina o TEXTO e sabe como trabalhá-lo o coro também sai ganhando! Existem inúmeros problemas musicais em que a origem está no TEXTO e não na música!

Variar Repertório Coro

Muitas vezes vejo alunos e colegas gastando tempo de ensaio “socando” notas ao piano para corrigir um problema no naipe, quando na verdade a origem está no TEXTO.

Ou, então, arrancando os cabelos por não entender como uma passagem está com problemas rítmicos, sem perceber que o problema é a acentuação errada do TEXTO.

Coros enormes que enchem um palco mas quando abrem a boca não soam nem timbram porque não há uma boa compreensão do TEXTO pelo grupo.

E a lista é enorme mas acho que já consegui chamar sua atenção para o problema.

 

Acompanhe os próximos artigos em que compartilharei ferramentas e estratégias para otimizar o trabalho com o TEXTO em nosso repertório.

Se você ainda não é inscrito em nosso BLOG, utilize o formulário abaixo e receba diretamente em seu e-mail todas as atualizações.

 

Até a próxima!

 


Na página principal do nosso BLOG estão outros assuntos que podem ajudar seu coro!


 

 

Aula Regência Coral Online

ATENÇÃO!

Você quer nossa ajuda para o seu ntrabalho coro?

Utilize o link abaixo e conheça a nossa ACADEMIA DE REGÊNCIA:

 CLIQUE AQUI

  • Aulas presenciais em São Paulo
  • Assessoria Online

 

 

Aproveite os comentários abaixo…deixe seus resultados, dúvidas ou me sugira temas relevantes para novos posts!

 

Acompanhe nosso próximo post . Inscreva-se abaixo para receber as atualizações!

 

Sou Altamiro Bernardes, maestro –
Academia Concerto Altamiro Bernardes

Trabalho há mais de 30 anos regendo corais. Tive minha formação como pianista e depois também estudei cravo. Foi através da Música Antiga que cheguei à Europa e, ali, tomei contato com uma sonoridade coral que me encantou! De volta ao Brasil fui estudar regência e buscar o desenvolvimento de um método de trabalho que, dentro da realidade brasileira, me proporcionasse ferramentas para trabalhar e alcançar resultados de alto nível. Em 2005 fui um dos fundadores da Academia Concerto e sou o Diretor Artístico nos últimos 13 anos. Meu trabalho tem sido preparar coros profissionais e amadores para concertos, festivais, turnês e concursos internacionais. Também sou professor de regência no Conservatório de Tatuí. Agora quero compartilhar com você os meus métodos de trabalho, que alcançaram 6 prêmios na Europa, reconhecimento no Brasil e ajudar o seu coro a alcançar o próximo nível!
 
 
 
 
Quer receber nossos conteúdos? 
Assine e receba por e-mail:

Solte Sua Voz Academia Concerto

2 comentários em “Cuidado Com O Que Seu Coro “FALA”!|Academia Concerto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.